Em 2005, Prefeito Eduardo Cesar visita a Sede da API...




Em 2005, durante a Etapa Petrobrás de Surf Feminino, realizado na Praia de Itamambuca, o Sr. Eduardo Cersar visitou e conheceu o Projeto Fabrica de Futuro...

em 2004, Projeto Fabrica de Futuro, apresentou-se à comunidade...

















A idéia de fabricar um produto que pudesse atrair o interesse dos jovens moradores de Itamambuca, fez com que a CAMISETA fosse a escolhida.






Por sua capacidade de gerar postos de trabalho em sua linha de produção e por ser a CAMISETA um excelente veiculo de comunicação das nossas mensagens ambientais, decidimos então iniciar uma pequena demonstração.No Campo de Futebol do Recanto de Itamambuca, na época coordenado pelo Sr. Marreco, permutamos um pequeno espaço, onde pudemos mostrar aos interessados o processo de Serigrafia, que consiste em estampar um desenho em uma camiseta usando tintas e telas.Vejam as fotos da época...

Inicio da Atividade - Aerografia

Hoje fizemos nossa primeira experiencia com o aerografo, usamos tambem nossa primeira tela de serigrafia e criamos nossa primeira estampa. O agente multiplicador, Caio Sampaio mostrou muita competencia e executou com bastante qualidade sua primeira estampa.

video

Início das Atividades - Desenhos e Artes

A primeira etapa, desenhando a figura em papel vegetal usando caneta nanquim...
video

LIXO-Um problema que pode virar solução...

Artesanatos de Reuso
(Fase Inicial – março-2009)

Utilizando como matéria prima, coisas que iriam para a lixeira e que recuperadas através da coleta seletiva, serão utilizadas para a fabricação de algo útil e com valor agregado de gerar emprego e renda aos moradores de Itamambuca e região, que serão convidados e capacitados como mão-de-obra nas diversas funções que serão criadas com a execução deste Projeto.

A quantidade de resíduos que serão utilizados como matéria prima poupará os recursos da Prefeitura, em custos de transbordos e disposição final dos resíduos de Itamambuca.

A sustentabilidade do projeto será feita com a venda dos produtos e serviços, para a remuneração dos custos e reinvestimento na fabricação de outras peças, visando aumentar o números de postos de trabalho.

A soma dos fatores sociais e ambientais são visíveis e com a participação de todos, este projeto terá efeitos de pacificação através da inclusão social que promove.

Em várias comunidades no Brasil, iniciativas como esta já surtiram efeitos, de gerar emprego e renda e diminuir os índices de violência e evasão escolar, entre os jovens, principalmente.

A união da API e Samita, com o apoio da Prefeituta, dos Empresários e moradores locais, fará com que este projeto se torne realidade em breve.

Primeiro Esforço - Parceria SAMITA-API

O objetivo do projeto “FABRICA DE FUTURO”-Itamambuca, é dispor aos moradores locais, espaço físico (CAMPO DE FUTEBOL+ÁREAS NO ENTORNO DO MANGUESAL), para propiciar capacitação cultural e profissional visando incluí-los na cadeia produtiva do turismo ecológico do município de UBATUBA-SP.

Nossa posição geográfica é estratégica e certamente estaremos no roteiro de muitos turistas, interessados em conhecer nossa Mata Atlântica, nossos pássáros, nosso povo e nossa história.

Visando em 2014, estar-mos aptos para recepcionar os milhares de turistas estrangeiros que estarão por aqui (eixo Rio - São Paulo) na Copa do Mundo de Futebol.

A criação de uma Fabrica de Artesanato é uma estratégia de inclusão social, que proporcionara emprego e renda aos interessados.

A matéria prima usada na fabricação deverá ser preferencialmente de materiais descartados e recolhidos na Coleta Seletiva da região.

Inicialmente deverá gerar 10 postos de trabalho e dependo do apoio recebido, outros postos de trabalho serão criados, nesta “Indústria Social” que se pretende fomentar na região.

O sistema de gestão, será a formação de cooperativas e sua sustentabilidade se dará com a venda dos serviços e produtos fabricados.

A colaboração de todos será fundamental neste esforço inicial, que estaremos apresentando as propostas à comunidade.

A primeira iniciativa já em curso, pode ser visitada na Av. Manoel Soares da Silva, 1184 no Recanto Itamambuca– fone 3845-3040, com Sra. Suely Losan e o Sr. Berico da Samita, representantes do projeto.